Médico em Casa

Aqui você encontra entrevistas médicas sobre saúde e bem-estar

Aqui você encontra entrevistas médicas sobre saúde e bem-estar

Vacinas e eficácia

  • Covaxin (Indiana)81% de eficiência: vírus inativado;
  • Coronavac (Brasileira/Chinesa) – 50,38% de eficiência: vírus inativado;
  • Sinopharm (Chinesa) – 74,9 de eficiência: vírus inativado;
  • AstraZeneca ( Britânica) – 70% de eficiência: vírus atenuado;
  • Sputnik V (Russa) – 91,4% de eficiência: vírus atenuado;
  • Moderna (Norte-Americana): 94,1% de eficiência: RNA mensageiro;
  • Pfizer ( Norte-Americana) – 95% de eficiência: RNA mensageiro;
  • Janssen ( Belga/Norte-Americana) – 95% de eficiência: adenovírus.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprova as vacinas a partir de 50% de imunização.

As vacinas Moderna e Pfizer requerem o armazenamento em baixa temperatura.

 

Vitamina D

É importante fazer a reposição adequada de vitamina D no organismo. Algumas pesquisas foram publicadas, durante a pandemia de COVID-19, sobre uma melhor imunidade para quem estiver com ela normal.

É importante saber que a  concentração de vitamina D pode ser medida por meio de um exame de sangue. Dessa forma, é possível avaliar se está boa ou insuficiente, porém colocamos uma medida básica para se ter uma idéia:

  • Concentração ideal: 30 – 60 ng/ml
  • Concentração insuficiente: 10 – 30 ng/ml
  • Apresenta deficiência: menor que 10 ng/ml

Para a reposição de vitamina D por gotinhas ou comprimido a tabela mais comum aponta a quantidade para cada faixa etária com a dosagem em UI (unidades internacionais).

  • Bebês 0-12 meses – 400 UI
  • Crianças 1-18 anos – 600 UI
  • Adultos até 70 anos – 600 UI
  • Adultos com mais de 70 anos – 800 UI
  • Mulheres grávidas ou lactantes – 600 UI

Essa dosagem de vitamina D é diária, se ingerida em quantidade superior a recomendada por faixa etária por muito tempo, pode provocar efeitos nocivos à saúde.

Temos uma entrevista sobre vitamina D que explica sobre  a importância dela na prevenção de outras doenças e como pode ser reposta de forma natural.

 

Boa Saúde

Em algumas entrevistas aqui no portal, os médicos foram unânimes ao falar sobre como ter boa saúde. São três dicas simples que devemos pôr em prática no dia a dia:

  • Sono – as crianças precisam dormir 10 horas por noite e adultos 08 horas;
  • Alimentação – todos devem comer alimentos saudáveis e beber água para hidratar-se;
  • Exercício – as crianças com mais de 04 anos precisam fazer atividades físicas por 60 minutos todos os dias, os adultos, no mínimo, 150 minutos por semana.

Receba novidades no seu email

Cuide da sua saúde

Estamos sempre antenados do que existe de novidades e bem-estar para trazer qualidade de vida e saúde para você e sua família.

Cuide da sua saúde

Estamos sempre antenados do que existe de novidades e bem-estar para trazer qualidade de vida e saúde para você e sua família.

Fechar Menu